A IPA da cervejaria inglesa. A coloração é meio castanho, turva, não filtrada, pouco cremosa mas persistente, pouco carbonatada, aromática, tostada e seca, um conjunto agradável, não economiza no lúpulo, nem poderia, só que o malte quase desaparece. O retrogosto é longo, quase infinito. Uma IPA não muito sofisticada mas segura de sí.

A IPA da cervejaria inglesa. A coloração é meio castanho, turva, não filtrada, pouco cremosa mas persistente, pouco carbonatada, aromática, tostada e seca, um conjunto agradável, não economiza no lúpulo, nem poderia, só que o malte quase desaparece. O retrogosto é longo, quase infinito. Uma IPA não muito sofisticada mas segura de sí.

Wäls estilo tcheca. Cor bronzeada, muito cremosa, levemente encorpada, carbonatação adequada, textura muito agradável, doce, bem maltada e bastante lupulada, quase uma IPA (sem comprometer), e um longo retrogosto. Refrescante e muito agradável, para acompanhar pratos condimentados em dias de calor. Tem vários prêmios importantes e merecidos.

Wäls estilo tcheca. Cor bronzeada, muito cremosa, levemente encorpada, carbonatação adequada, textura muito agradável, doce, bem maltada e bastante lupulada, quase uma IPA (sem comprometer), e um longo retrogosto. Refrescante e muito agradável, para acompanhar pratos condimentados em dias de calor. Tem vários prêmios importantes e merecidos.

Finalmente a última da Container, outra session com 4,2°, uma Blonde Ale com goiaba e açai. Espuma curta e efêmera, levemente aromática, cor castanho claro, turva, carbonatação média, bem seca, leve e muito refrescante. O malte é suave e o lúpulo, médio, é bem resolvido. O retrogosto é longo e agradável. Só não senti nem o sabor da goiaba e nem do açai, talvez um mel e um queimadinho. Pra matar a sede, ótima.

Finalmente a última da Container, outra session com 4,2°, uma Blonde Ale com goiaba e açai. Espuma curta e efêmera, levemente aromática, cor castanho claro, turva, carbonatação média, bem seca, leve e muito refrescante. O malte é suave e o lúpulo, médio, é bem resolvido. O retrogosto é longo e agradável. Só não senti nem o sabor da goiaba e nem do açai, talvez um mel e um queimadinho. Pra matar a sede, ótima.

Cervejinha séria, mineira estilo belga, strong ale, cor média escura, pouca espuma porém persistente, encorpadinha, carbonatação média, muito aromática, malte forte e saboroso, de ameixa, mel e cevada, um lúpulo simples mas equilibrado. O álcool é perceptível sem comprometer o sabor, bom retrogosto. Sofisticada, merece uma harmonização cuidadosa.

Cervejinha séria, mineira estilo belga, strong ale, cor média escura, pouca espuma porém persistente, encorpadinha, carbonatação média, muito aromática, malte forte e saboroso, de ameixa, mel e cevada, um lúpulo simples mas equilibrado. O álcool é perceptível sem comprometer o sabor, bom retrogosto. Sofisticada, merece uma harmonização cuidadosa.

Clara, leve, pouco cremosa, bem carbonatada, malte de chiclete de banana com laranja, pouco lúpulo, algum retrogosto. Uma weizen mediana mas muito bem temperada com "Camarões crocantes da Petiscaria Tatuíra no Canto Grande em Bombinhas".

Clara, leve, pouco cremosa, bem carbonatada, malte de chiclete de banana com laranja, pouco lúpulo, algum retrogosto. Uma weizen mediana mas muito bem temperada com "Camarões crocantes da Petiscaria Tatuíra no Canto Grande em Bombinhas".

Bronzeada, muito cremosa e persistente, ligeiramente turva, aroma de moscatel, malte descomplicado de pão, um lúpulo suave pra uma IPA, ibu: 60, retrogosto curto. Uma cerveja simples e correta, não pra ganhar campeonato mas pra acompanhar um bom prato, no caso picanha com agrião.

Bronzeada, muito cremosa e persistente, ligeiramente turva, aroma de moscatel, malte descomplicado de pão, um lúpulo suave pra uma IPA, ibu: 60, retrogosto curto. Uma cerveja simples e correta, não pra ganhar campeonato mas pra acompanhar um bom prato, no caso picanha com agrião.

Eu sempre desconfio de cervejas brasileiras oportunistas, mesmo Eisenbahns, mas esta me surpreendeu. Nada de mais mas é uma puro malte, claro, tem uma cor bonita, uma bela espuma, uma textura agradável, um malte delicado e um lúpulo compatível. Não ia querer envergonhar a festa na própria casa.

Eu sempre desconfio de cervejas brasileiras oportunistas, mesmo Eisenbahns, mas esta me surpreendeu. Nada de mais mas é uma puro malte, claro, tem uma cor bonita, uma bela espuma, uma textura agradável, um malte delicado e um lúpulo compatível. Não ia querer envergonhar a festa na própria casa.

Negra, pouco cremosa, pouco carbonatada, corpo leve, aroma clássico de café tostado, seca, session de 4,2°, pouco maltada, lúpulo à l'anglaise, retrogosto médio. Fácil.

Negra, pouco cremosa, pouco carbonatada, corpo leve, aroma clássico de café tostado, seca, session de 4,2°, pouco maltada, lúpulo à l'anglaise, retrogosto médio. Fácil.

Bem artesanal, da família Bayer de Tijucas mas produzida onde puder. Ambar, turva, algum corpinho, pouco cremosa, carbonatada, aroma e sabor claramente de mel, ligeiramente lupulada e com um leve retrogosto. Simpática e gostosinha pra quem gosta da forte presença de mel.

Bem artesanal, da família Bayer de Tijucas mas produzida onde puder. Ambar, turva, algum corpinho, pouco cremosa, carbonatada, aroma e sabor claramente de mel, ligeiramente lupulada e com um leve retrogosto. Simpática e gostosinha pra quem gosta da forte presença de mel.

Criada pela Bohemia, produzida pela Wälls. Uma Stout bonita, session de 4,0 ABV, aromática,  levemente encorpada, uma espuma cremosa e persistente, carbonatação suave, malte delicado, bem lupulada, longo retrogosto. Diz no rótulo que é temperada com chocolate, hortelã e casca de laranja. Não consegui perceber. Diz também que o IBU é de 22, duvido, deve passar fácil dos 50, parece uma Stout IPA e acompanhou muito bem uma costela de panela.

Criada pela Bohemia, produzida pela Wälls. Uma Stout bonita, session de 4,0 ABV, aromática, levemente encorpada, uma espuma cremosa e persistente, carbonatação suave, malte delicado, bem lupulada, longo retrogosto. Diz no rótulo que é temperada com chocolate, hortelã e casca de laranja. Não consegui perceber. Diz também que o IBU é de 22, duvido, deve passar fácil dos 50, parece uma Stout IPA e acompanhou muito bem uma costela de panela.

Pinterest
Pesquisar