QUIZ Saúde Oral

Vamos ajudá-lo a saber mais sobre a sua saúde oral!
10 Pins40 Seguidores
Não existem rejeições dos implantes pelo organismo. Os implantes são feitos de titânio e esse material é inerte ao osso. Uma vez que o organismo não percebe que algo foi colocado no osso, tenta fechar o furo feito pela broca para a colocação do implante. Quando o osso preenche esse orifício, o implante fixa-se e isso é o que chamamos de osseointegração. Problemas devido à cirurgia, ao pós-operatório ou pela qualidade do osso, podem ocorrer, mas nunca por rejeição. #SorriMais!

Não existem rejeições dos implantes pelo organismo. Os implantes são feitos de titânio e esse material é inerte ao osso. Uma vez que o organismo não percebe que algo foi colocado no osso, tenta fechar o furo feito pela broca para a colocação do implante. Quando o osso preenche esse orifício, o implante fixa-se e isso é o que chamamos de osseointegração. Problemas devido à cirurgia, ao pós-operatório ou pela qualidade do osso, podem ocorrer, mas nunca por rejeição. #SorriMais!

É importante utilizar fio-dental diariamente? O simples uso do fio dental faz com que seus dentes fiquem mais luminosos, ao eliminar a placa e o excesso de partículas de comida, que podem não ser visíveis no espelho, ou em zonas nas quais a escova de dente não chega.

É importante utilizar fio-dental diariamente? O simples uso do fio dental faz com que seus dentes fiquem mais luminosos, ao eliminar a placa e o excesso de partículas de comida, que podem não ser visíveis no espelho, ou em zonas nas quais a escova de dente não chega.

O amido é tão cariogénico como o açúcar (sacarose)?  Não. Estudos epidemiológicos verificaram que o amido, presente no pão, massa, arroz, batata e leguminosas (feijão, grão, ervilhas, favas), apresenta um baixo potencial cariogénico. Os indivíduos que consomem uma alimentação rica em amido e baixa em açúcar apresentam geralmente um baixo nível de cárie dentária.

O amido é tão cariogénico como o açúcar (sacarose)? Não. Estudos epidemiológicos verificaram que o amido, presente no pão, massa, arroz, batata e leguminosas (feijão, grão, ervilhas, favas), apresenta um baixo potencial cariogénico. Os indivíduos que consomem uma alimentação rica em amido e baixa em açúcar apresentam geralmente um baixo nível de cárie dentária.

Sim. Vários estudos referem que uma alimentação rica em hortícolas, fruta fresca e cereais integrais está associada a baixos níveis de cárie dentária. A ingestão destes alimentos ricos em fibra (ex: trincar um maçã com casca) requer uma maior mastigação, estimula a produção de saliva e promove uma limpeza mecânica dos dentes. No entanto, nunca substitui uma adequada escovagem dos dentes.

Sim. Vários estudos referem que uma alimentação rica em hortícolas, fruta fresca e cereais integrais está associada a baixos níveis de cárie dentária. A ingestão destes alimentos ricos em fibra (ex: trincar um maçã com casca) requer uma maior mastigação, estimula a produção de saliva e promove uma limpeza mecânica dos dentes. No entanto, nunca substitui uma adequada escovagem dos dentes.

Sim. Além de uma adequada escovagem dos dentes e da redução da quantidade e da frequência de ingestão deste tipo de alimentos, a altura do dia em que são ingeridos também é importante. Evite ingerir alimentos ou bebidas com açúcar entre as refeições. Se reservar apenas para as refeições principais (almoço e jantar) não é tão prejudicial para os dentes. #SorriMais

Sim. Além de uma adequada escovagem dos dentes e da redução da quantidade e da frequência de ingestão deste tipo de alimentos, a altura do dia em que são ingeridos também é importante. Evite ingerir alimentos ou bebidas com açúcar entre as refeições. Se reservar apenas para as refeições principais (almoço e jantar) não é tão prejudicial para os dentes. #SorriMais

Os lacticínios protegem da cárie dentária? Sim. Os lacticínios não açucarados têm propriedades protectoras contra a cárie. Embora o leite contenha lactose, vários estudos verificaram que este dissacárido apresenta um baixo potencial cariogénico. Além disso, o leite contém compostos (ex: cálcio, fósforo, caseína) que inibem as lesões de cárie dentária.

Os lacticínios protegem da cárie dentária? Sim. Os lacticínios não açucarados têm propriedades protectoras contra a cárie. Embora o leite contenha lactose, vários estudos verificaram que este dissacárido apresenta um baixo potencial cariogénico. Além disso, o leite contém compostos (ex: cálcio, fósforo, caseína) que inibem as lesões de cárie dentária.

Sim. As bebidas ácidas, como os sumos, refrigerantes, bebidas desportivas, bebidas energéticas e algumas bebidas alcoólicas, podem provocar a erosão do esmalte dentário, mesmo que não tenham adição de açúcar. A erosão do esmalte dentário é uma perda gradual do esmalte que enfraquece a integridade dos dentes. A elevada ingestão de refrigerantes é um dos factores que contribui para a erosão do esmalte dentário. Quanto maior for o tempo e a exposição dos dentes a estes ácidos maior será a…

Sim. As bebidas ácidas, como os sumos, refrigerantes, bebidas desportivas, bebidas energéticas e algumas bebidas alcoólicas, podem provocar a erosão do esmalte dentário, mesmo que não tenham adição de açúcar. A erosão do esmalte dentário é uma perda gradual do esmalte que enfraquece a integridade dos dentes. A elevada ingestão de refrigerantes é um dos factores que contribui para a erosão do esmalte dentário. Quanto maior for o tempo e a exposição dos dentes a estes ácidos maior será a…

Antes de dormir é, provavelmente, a pior altura do dia para ingerir alimentos ou bebidas com açúcar. Mesmo escovando bem os dentes antes de se deitar, é difícil garantir que não permanecem vestígios de açúcar na boca. Além disso, como durante a noite a produção de saliva diminui, a proteção e auto limpeza promovida pela saliva e pela língua é menor.

Antes de dormir é, provavelmente, a pior altura do dia para ingerir alimentos ou bebidas com açúcar. Mesmo escovando bem os dentes antes de se deitar, é difícil garantir que não permanecem vestígios de açúcar na boca. Além disso, como durante a noite a produção de saliva diminui, a proteção e auto limpeza promovida pela saliva e pela língua é menor.

O conceito All-on-Four permite a desdentados totais, com atrofia maxilar severa, a reabilitação em implantologia sem recorrer a enxertos de osso. O procedimento consiste em colocar dois implantes de dentes inclinados até 30 graus na zona posterior onde existe falta de osso e dois implantes no setor anterior.

O conceito All-on-Four permite a desdentados totais, com atrofia maxilar severa, a reabilitação em implantologia sem recorrer a enxertos de osso. O procedimento consiste em colocar dois implantes de dentes inclinados até 30 graus na zona posterior onde existe falta de osso e dois implantes no setor anterior.

Não existem rejeições dos implantes pelo organismo. Os implantes são feitos de titânio e esse material é inerte ao osso. Uma vez que o organismo não percebe que algo foi colocado no osso, tenta fechar o furo feito pela broca para a colocação do implante. Quando o osso preenche esse orifício, o implante fixa-se e isso é o que chamamos de osseointegração. Problemas devido à cirurgia, ao pós-operatório ou pela qualidade do osso, podem ocorrer, mas nunca por rejeição. #SorriMais!

Não existem rejeições dos implantes pelo organismo. Os implantes são feitos de titânio e esse material é inerte ao osso. Uma vez que o organismo não percebe que algo foi colocado no osso, tenta fechar o furo feito pela broca para a colocação do implante. Quando o osso preenche esse orifício, o implante fixa-se e isso é o que chamamos de osseointegração. Problemas devido à cirurgia, ao pós-operatório ou pela qualidade do osso, podem ocorrer, mas nunca por rejeição. #SorriMais!


Mais ideias
Pinterest
Pesquisar