Explore these ideas and more!

polvo + balão

polvo + balão

Este trocadilho visual elaboradíssimo:

12 piadas tipicamente brasileiras que nunca poderiam ser traduzidas para outra língua

12 piadas tipicamente brasileiras que nunca poderiam ser traduzidas para outra língua

E, claro, também fazemos trocadilhos com nomes estrangeiros que soam como alguma outra palavra na nossa língua.

12 piadas tipicamente brasileiras que nunca poderiam ser traduzidas para outra língua

peixe + skate

peixe + skate

Cérebro + borboleta

Cérebro + borboleta

Trocadilhos brasileiros (clica que tem mais)

12 piadas tipicamente brasileiras que nunca poderiam ser traduzidas para outra língua

Trocadilhos brasileiros (clica que tem mais)

Zé Pilim

Zé Pilim

Mama Viva

Mama Viva

Disk Sexo

Disk Sexo

Teta Balloon

Teta Balloon

Piroca de Metal

Piroca de Metal

Um dos maiores sabotadores do visual é deixar o sutiã aparecer, e isso piora ainda mais quando é sem querer. Nem preciso citar alças sujas, sem elástico, com bolinha, entre outros desleixos porque quem lê Eu capricho capricha no visual, né? Hahaha desculpem o trocadilho, mas foi impossível não fazê-lo!     Há algum tempo …

Strappy bra: Como e onde usar

Strappy bra: Como e onde usar - Eu Capricho - Por Luiza Gomes

Para fechar, seguimos para o Teatro Gregório de Mattos, idealizado no novo formato por Lina Bo Bardi em 1986. Ao chegar lá fomos surpreendidos com uma linda exposição em homenagem a arquiteta italo-brasileira. AMAR A LINA, um trocadilho do nome da arquiteta com um bairro de Salvador [Amaralina], é um mergulho na cultura popular brasileira.  A mostra, que tem curadoria do artista visual Joãozito e da arquiteta Carla Zollinger, busca retratar o encantamento de Lina com o fazer artístico…

Para fechar, seguimos para o Teatro Gregório de Mattos, idealizado no novo formato por Lina Bo Bardi em 1986. Ao chegar lá fomos surpreendidos com uma linda exposição em homenagem a arquiteta italo-brasileira. AMAR A LINA, um trocadilho do nome da arquiteta com um bairro de Salvador [Amaralina], é um mergulho na cultura popular brasileira. A mostra, que tem curadoria do artista visual Joãozito e da arquiteta Carla Zollinger, busca retratar o encantamento de Lina com o fazer artístico…

Para fechar, seguimos para o Teatro Gregório de Mattos, idealizado no novo formato por Lina Bo Bardi em 1986. Ao chegar lá fomos surpreendidos com uma linda exposição em homenagem a arquiteta italo-brasileira. AMAR A LINA, um trocadilho do nome da arquiteta com um bairro de Salvador [Amaralina], é um mergulho na cultura popular brasileira.  A mostra, que tem curadoria do artista visual Joãozito e da arquiteta Carla Zollinger, busca retratar o encantamento de Lina com o fazer artístico…

Para fechar, seguimos para o Teatro Gregório de Mattos, idealizado no novo formato por Lina Bo Bardi em 1986. Ao chegar lá fomos surpreendidos com uma linda exposição em homenagem a arquiteta italo-brasileira. AMAR A LINA, um trocadilho do nome da arquiteta com um bairro de Salvador [Amaralina], é um mergulho na cultura popular brasileira. A mostra, que tem curadoria do artista visual Joãozito e da arquiteta Carla Zollinger, busca retratar o encantamento de Lina com o fazer artístico…

Pinterest
Search