Explora Operação Lava, Lava Jato e outros!

Explorar tópicos relacionados

Agentes da Polícia Federal em frente ao prédio da Camargo Correa durante a sétima fase da Operação Lava Jato, em São Paulo

Agentes da Polícia Federal em frente ao prédio da Camargo Correa durante a sétima fase da Operação Lava Jato, em São Paulo

O Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, vai encaminhar ao Supremo Tribunal Federal (STF) nos próximos dias os primeiros nomes dos políticos acusados de corrupção com base na delação do fim do mundo, a série de depoimentos de executivos da Odebrecht que promete transformar de vez a Operação Lava Jato em um escândalo quase universal na elite política brasileira. Ao menos dois ministros do Governo de Michel Temer devem estar na lista.

O Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, vai encaminhar ao Supremo Tribunal Federal (STF) nos próximos dias os primeiros nomes dos políticos acusados de corrupção com base na delação do fim do mundo, a série de depoimentos de executivos da Odebrecht que promete transformar de vez a Operação Lava Jato em um escândalo quase universal na elite política brasileira. Ao menos dois ministros do Governo de Michel Temer devem estar na lista.

Um grande mérito de Fábio Zanini em Euforia e Fracasso do Brasil Grande: Política Externa e Multinacionais Brasileiras na Era Lula (ed. Contexto), que será lançado nesta terça-feira em São Paulo, foi entender que a soma dos microrrelatos que compõem seu livro não resultam em uma definitiva obra investigativa sobre as relações internacionais da era Lula, agora revistas sob a controversa lente das revelações da Operação Lava Jato.

Um grande mérito de Fábio Zanini em Euforia e Fracasso do Brasil Grande: Política Externa e Multinacionais Brasileiras na Era Lula (ed. Contexto), que será lançado nesta terça-feira em São Paulo, foi entender que a soma dos microrrelatos que compõem seu livro não resultam em uma definitiva obra investigativa sobre as relações internacionais da era Lula, agora revistas sob a controversa lente das revelações da Operação Lava Jato.

Desde que as investigações envolvendo a Odebrecht chegaram à promotoria norte-americana, em 2014, o caso de corrupção da gigante brasileira tomou dimensões internacionais. As autoridades dos Estados Unidos se envolveram na apuração porque parte do dinheiro usado como propina pela construtora passou por bancos daquele país. Além disso, como a Petrobras tem ações na bolsa de Nova York, ela responde à Justiça norte-americana pelos delitos cometidos ali.

Desde que as investigações envolvendo a Odebrecht chegaram à promotoria norte-americana, em 2014, o caso de corrupção da gigante brasileira tomou dimensões internacionais. As autoridades dos Estados Unidos se envolveram na apuração porque parte do dinheiro usado como propina pela construtora passou por bancos daquele país. Além disso, como a Petrobras tem ações na bolsa de Nova York, ela responde à Justiça norte-americana pelos delitos cometidos ali.

O ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF

O ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF

Zelador do triplex acaba com advogado de Lula na frente de Moro

Zelador do triplex acaba com advogado de Lula na frente de Moro

Como a imprensa brasileira é um panfleto de propaganda da Operação Lava Jato, notícia considerada “ruim”, porque revela a natureza manipuladora de algumas atitudes de delegados e promotores não sai. Para saber do “lado...

Como a imprensa brasileira é um panfleto de propaganda da Operação Lava Jato, notícia considerada “ruim”, porque revela a natureza manipuladora de algumas atitudes de delegados e promotores não sai. Para saber do “lado...

CULTURA,   ESPORTE   E   POLÍTICA: O que restará do Brasil após a Lava-Jato?

CULTURA, ESPORTE E POLÍTICA: O que restará do Brasil após a Lava-Jato?

Nicéas Romeo Zanchett: “Não precisamos ter 39 ministros, eu nem sei o nome de todos eles, duvido que alguém saiba”, diz Eduardo Cunha. Presidente da Câmara dos Deputados é sabatinado sobre corrupção, uma nova aproximação com o PT, o impeachment e o ex-presidente Lula

Nicéas Romeo Zanchett: “Não precisamos ter 39 ministros, eu nem sei o nome de todos eles, duvido que alguém saiba”, diz Eduardo Cunha. Presidente da Câmara dos Deputados é sabatinado sobre corrupção, uma nova aproximação com o PT, o impeachment e o ex-presidente Lula

A Lava Jato está salvando a economia  Economia 12.01.17 10:00 Affonso Celso Pastore, no Estadão, mostra que a Lava Jato está salvando a economia.  “Em vez de inibir o crescimento econômico, a operação Lava Jato vem criando as condições para que os empresários parem de investir em conexões políticas vantajosas e se concentrem na busca do aumento da eficiência, elevando a produtividade e conduzindo à aceleração do crescimento (…).  A corrupção pode elevar os benefícios privados de quem a…

A Lava Jato está salvando a economia Economia 12.01.17 10:00 Affonso Celso Pastore, no Estadão, mostra que a Lava Jato está salvando a economia. “Em vez de inibir o crescimento econômico, a operação Lava Jato vem criando as condições para que os empresários parem de investir em conexões políticas vantajosas e se concentrem na busca do aumento da eficiência, elevando a produtividade e conduzindo à aceleração do crescimento (…). A corrupção pode elevar os benefícios privados de quem a…

Pinterest • O catálogo mundial de ideias
Pesquisar