Explora Amor, Love e outros!

O primeiro!

O primeiro!

Cabeludo e rebelde. Esse era Casão, jogador criado no Parque São Jorge.  Começou uma nova era do Timão, conhecida como Democracia Corintiana, junto com Sócrates, Casagrande foi um dos líderes daquele movimento. Deixou o Corinthians em 1986 para jogar no Porto, de Portugal. Quando jogava no Flamengo, veio ao Pacaembu enfrentar o Coringão, pelo Brasileiro de 1993. A torcida corintiana, em coro, gritou: "Volta Casão, seu lugar é no Timão." E voltou mesmo.

Cabeludo e rebelde. Esse era Casão, jogador criado no Parque São Jorge. Começou uma nova era do Timão, conhecida como Democracia Corintiana, junto com Sócrates, Casagrande foi um dos líderes daquele movimento. Deixou o Corinthians em 1986 para jogar no Porto, de Portugal. Quando jogava no Flamengo, veio ao Pacaembu enfrentar o Coringão, pelo Brasileiro de 1993. A torcida corintiana, em coro, gritou: "Volta Casão, seu lugar é no Timão." E voltou mesmo.

Jô deixa sua marca, e Corinthians vence Vitória na Bahia

Jô deixa sua marca, e Corinthians vence Vitória na Bahia

Jô
Sport Club Corinthians Paulista - Marcelinho Carioca, o "Pé de Anjo"

Sport Club Corinthians Paulista - Marcelinho Carioca, o "Pé de Anjo"

Está marcado na história do futebol por todos os seus feitos. Desde o início de carreira no RJ, passando pelo começo arrasador no Cruzeiro e a rápida passagem pelo PSV. Virou ídolo no Barcelona e mito na Internazionale, melhor jogador do mundo em 2002, ano que conduziu o Brasil ao pentacampeonato mundial, depois de grave lesão no joelho.  No Real Madrid e no Milan deixou o seu legado. E, no Corinthians, se tornou mais um "louco" no bando de loucos do alvinegro, conquistando dois títulos.

Está marcado na história do futebol por todos os seus feitos. Desde o início de carreira no RJ, passando pelo começo arrasador no Cruzeiro e a rápida passagem pelo PSV. Virou ídolo no Barcelona e mito na Internazionale, melhor jogador do mundo em 2002, ano que conduziu o Brasil ao pentacampeonato mundial, depois de grave lesão no joelho. No Real Madrid e no Milan deixou o seu legado. E, no Corinthians, se tornou mais um "louco" no bando de loucos do alvinegro, conquistando dois títulos.

Corinthians Cascão Título (Foto: Maurício de Souza )

Maurício de Sousa desenha Cascão comemorando título do Corinthians

Pinterest
Pesquisar