Explora Tem Medo, Medo De e outros!

Explorar tópicos relacionados

Agora a menina da Gloria Coelho gosta de arte e estuda pencas, é ligada em moda (não só modinha, ela sabe tudo mesmo e não tem medo de look ousado) e é riquinha do jet set.

Agora a menina da Gloria Coelho gosta de arte e estuda pencas, é ligada em moda (não só modinha, ela sabe tudo mesmo e não tem medo de look ousado) e é riquinha do jet set.

A presença de dona Jacira nos aplausos finais também faz muito sentido: pro processo de criação, eles não só buscaram suas raízes e origens como acabaram pensando nas rendas e bordados, o trabalho rico dos desfiles de Carnaval… E por que não chamar a mãe, que é uma artesã bordadeira incrível, pra fazer esse trabalho?

Lab outono-inverno 2017 SPFW N43

A presença de dona Jacira nos aplausos finais também faz muito sentido: pro processo de criação, eles não só buscaram suas raízes e origens como acabaram pensando nas rendas e bordados, o trabalho rico dos desfiles de Carnaval… E por que não chamar a mãe, que é uma artesã bordadeira incrível, pra fazer esse trabalho?

Os atletas urbanos da UMA fazem maratona pela cidade com looks de couro, bolsas de alumínio e botas de cano alto de neoprene. Parece desconfortável? Não é: como tudo na marca, conforto e simplicidade são palavras de ordem e é aí que está sua força.

Uma outono-inverno 2016

Os atletas urbanos da UMA fazem maratona pela cidade com looks de couro, bolsas de alumínio e botas de cano alto de neoprene. Parece desconfortável? Não é: como tudo na marca, conforto e simplicidade são palavras de ordem e é aí que está sua força.

Sexo. Referências entre as artes de Gustave Courbet e Louise Bourgeois investigam a sensualidade–sexualidade fugindo de clichês e procurando a sutileza no desfile de outono-inverno 2017 de Vitorino Campos apresentado no SPFW.

Vitorino Campos outono-inverno 2017

Sexo. Referências entre as artes de Gustave Courbet e Louise Bourgeois investigam a sensualidade–sexualidade fugindo de clichês e procurando a sutileza no desfile de outono-inverno 2017 de Vitorino Campos apresentado no SPFW.

Os atletas urbanos da UMA fazem maratona pela cidade com looks de couro, bolsas de alumínio e botas de cano alto de neoprene. Parece desconfortável? Não é: como tudo na marca, conforto e simplicidade são palavras de ordem e é aí que está sua força.

Uma outono-inverno 2016

Os atletas urbanos da UMA fazem maratona pela cidade com looks de couro, bolsas de alumínio e botas de cano alto de neoprene. Parece desconfortável? Não é: como tudo na marca, conforto e simplicidade são palavras de ordem e é aí que está sua força.

Cult é a palavra-chave desse 1º desfile da Coven no SPFW (a marca desfilava no Fashion Rio), de outono-inverno 2016. Ela mora rodeada por tapeçarias de Genaro de Carvalho, colagens do Cecil Touchon, pinturas do Le Corbusier e ainda não tira o vinil da Laurie Anderson da sua vitrola retrô-moderna – uau!

Coven outono-inverno 2016

Cult é a palavra-chave desse 1º desfile da Coven no SPFW (a marca desfilava no Fashion Rio), de outono-inverno 2016. Ela mora rodeada por tapeçarias de Genaro de Carvalho, colagens do Cecil Touchon, pinturas do Le Corbusier e ainda não tira o vinil da Laurie Anderson da sua vitrola retrô-moderna – uau!

Combata o frio com casacos amplos, pernas de fora (mas botas de couro de cobra pra esquentar) e o colorido – essa é a proposta da Animale pro outono-inverno 2016! Uma variedade de texturas (veludo, renda, seda, couro, malha canelada, lã de ovelha bem peludinha) enriquece a coleção, e a cartela de cores, com especial ênfase no rosa quartzo.

Animale outono-inverno 2016

Combata o frio com casacos amplos, pernas de fora (mas botas de couro de cobra pra esquentar) e o colorido – essa é a proposta da Animale pro outono-inverno 2016! Uma variedade de texturas (veludo, renda, seda, couro, malha canelada, lã de ovelha bem peludinha) enriquece a coleção, e a cartela de cores, com especial ênfase no rosa quartzo.

Juliana Jabour ama os anos 80 e investe em suas proporções e cores pra este outono-inverno 2016. E o primeiro look, desfilado por Fernanda Lima – ela é presença constante no casting de Jabour – já avisa que as geometrias são um dos pontos mais explorados da coleção. Tem xadrez maximizado, poá enorme, listras e as formas geométricas em si, que vão das estampas pra modelagem, como no moletom de couro com triângulo amarelão da 2ª entrada de Fernanda, cheio de franjas.

Juliana Jabour outono-inverno 2016

Juliana Jabour ama os anos 80 e investe em suas proporções e cores pra este outono-inverno 2016. E o primeiro look, desfilado por Fernanda Lima – ela é presença constante no casting de Jabour – já avisa que as geometrias são um dos pontos mais explorados da coleção. Tem xadrez maximizado, poá enorme, listras e as formas geométricas em si, que vão das estampas pra modelagem, como no moletom de couro com triângulo amarelão da 2ª entrada de Fernanda, cheio de franjas.

A Iódice parte do figurino do filme “Morte em Veneza”, de Thomas Mann, e sua época, a Belle Époque, transportando tudo pra um futuro próximo: o do outono-inverno 2016. Salta aos olhos a renda guipure arrastão em look de comprimento midi e blazer com cintura deslocada de abotoamento duplo.

Iódice outono-inverno 2016

A Iódice parte do figurino do filme “Morte em Veneza”, de Thomas Mann, e sua época, a Belle Époque, transportando tudo pra um futuro próximo: o do outono-inverno 2016. Salta aos olhos a renda guipure arrastão em look de comprimento midi e blazer com cintura deslocada de abotoamento duplo.

Just kidding! Juliana Jabour e Karen Fuke, ex-colegas de trabalho da Triton, unem forças pra fazer algo por diversão e amor, sem se preocupar com o lado comercial: a Just Kids (o nome brinca com as iniciais das duas e de quebra cita o livro de Patti Smith).

Just Kids outubro de 2016

Just kidding! Juliana Jabour e Karen Fuke, ex-colegas de trabalho da Triton, unem forças pra fazer algo por diversão e amor, sem se preocupar com o lado comercial: a Just Kids (o nome brinca com as iniciais das duas e de quebra cita o livro de Patti Smith).

Pinterest
Pesquisar