Pinterest • O catálogo mundial de ideias

Explora Quatro Estações, Renascimento e outros!

Mandala das Quatro Estações – Cor e Poesia Temos nossas próprias estações a partir do nascimento. Na primavera do elemento terra, momento do renascimento, de planejar e sonhar. No verão, execute o plano pela motivação do fogo, deixe fluir! Nas águas do outono, aprendizado e reflexão no fim do ciclo. Enfim, chegamos no inverno, onde o ar traz renovação para a próxima jornada.

Mandala das Quatro Estações – Cor e Poesia Temos nossas próprias estações a partir do nascimento. Na primavera do elemento terra, momento do renascimento, de planejar e sonhar. No verão, execute o plano pela motivação do fogo, deixe fluir! Nas águas do outono, aprendizado e reflexão no fim do ciclo. Enfim, chegamos no inverno, onde o ar traz renovação para a próxima jornada.

Mandala do Perdão – Cor e Poesia Não perdoar é como manter vivo o ontem infeliz no hoje que inventa o amanhã. Somos eternos, mas nossa existência é limitada. Perdoar é uma decisão de cura, é desapegar do que não existe mais. Errar e acertar faz parte da jornada de todos nós. Liberte-se!

Mandala do Perdão – Cor e Poesia Não perdoar é como manter vivo o ontem infeliz no hoje que inventa o amanhã. Somos eternos, mas nossa existência é limitada. Perdoar é uma decisão de cura, é desapegar do que não existe mais. Errar e acertar faz parte da jornada de todos nós. Liberte-se!

Mandala da Coragem – Cor e Poesia

Mandala da Coragem – Cor e Poesia

Mandala da Paciência – Cor e Poesia “Não te afastes da paciência quando as dificuldades se agravem. Ainda que provações inesperadas te espanquem o coração, conserva a serenidade e segue adiante, agindo e servindo. É por isto que a tempestade pode rugir a noite, mas não existem forças na Terra que impeçam, cada dia a chegada de novo amanhecer” Chico Xavier.

Mandala da Paciência – Cor e Poesia “Não te afastes da paciência quando as dificuldades se agravem. Ainda que provações inesperadas te espanquem o coração, conserva a serenidade e segue adiante, agindo e servindo. É por isto que a tempestade pode rugir a noite, mas não existem forças na Terra que impeçam, cada dia a chegada de novo amanhecer” Chico Xavier.

Mandala da Gratidão – Cor e Poesia

Mandala da Gratidão – Cor e Poesia

Mandala da Compreensão – Cor e Poesia Aceite o desafio da empatia ao invés do fácil julgamento e poderá aprender muito de si mesmo ao oferecer atenção real e positiva. Prefira compreender e acolher pensamentos bons, alegres, belos, entenda o outro. De formas diferentes, todos buscamos essencialmente as mesmas coisas.

Mandala da Compreensão – Cor e Poesia Aceite o desafio da empatia ao invés do fácil julgamento e poderá aprender muito de si mesmo ao oferecer atenção real e positiva. Prefira compreender e acolher pensamentos bons, alegres, belos, entenda o outro. De formas diferentes, todos buscamos essencialmente as mesmas coisas.

Mandala da Renovação – Cor e Poesia

Mandala da Renovação – Cor e Poesia

Mandala da Sabedoria – Cor e Poesia A conquista da sabedoria requer vivenciar o que aprendeu. Agradável ou não, a experiência do novo será transformadora. Sabedoria é sinergia do conhecimento na prática com a persistência da busca da perfeição utópica. Viva e seja sábio! E depois ensine, e aprenderá muito mais.

Mandala da Sabedoria – Cor e Poesia A conquista da sabedoria requer vivenciar o que aprendeu. Agradável ou não, a experiência do novo será transformadora. Sabedoria é sinergia do conhecimento na prática com a persistência da busca da perfeição utópica. Viva e seja sábio! E depois ensine, e aprenderá muito mais.

Mandala da Energia – Cor e Poesia

Mandala da Energia – Cor e Poesia

Mandala Fluir da Vida – Cor e Poesia

Mandala Fluir da Vida – Cor e Poesia

Mandala da União – Cor e Poesia

Mandala da União – Cor e Poesia

Mandala dos Quatro Elementos – Cor e Poesia Os ciclos da natureza trazem ensinamentos de como atingir o equilíbrio através da harmonia dos elementos. Podemos perceber no corpo humano: os ossos (terra, base), a energia (fogo), o sangue (água) e o ar. Deixe fluir: o elemento terra concretiza o que foi pensado pelo ar através da inspiração do fogo e da imaginação da água.

Mandala dos Quatro Elementos – Cor e Poesia Os ciclos da natureza trazem ensinamentos de como atingir o equilíbrio através da harmonia dos elementos. Podemos perceber no corpo humano: os ossos (terra, base), a energia (fogo), o sangue (água) e o ar. Deixe fluir: o elemento terra concretiza o que foi pensado pelo ar através da inspiração do fogo e da imaginação da água.

Mandala do Sucesso – Cor e Poesia    Se o sucesso é o que deseja alcançar, lembre-se que os principais degraus desta escada chamam-se fracasso. São os sinalizadores de onde é possível evoluir, é como aprender a levantar-se. Persista! Na vitória, contemple a paisagem de cima e lembre-se por onde passou.

Mandala do Sucesso – Cor e Poesia Se o sucesso é o que deseja alcançar, lembre-se que os principais degraus desta escada chamam-se fracasso. São os sinalizadores de onde é possível evoluir, é como aprender a levantar-se. Persista! Na vitória, contemple a paisagem de cima e lembre-se por onde passou.

Mandala da Plenitude – Cor e Poesia

Mandala da Plenitude – Cor e Poesia

Mandala da Família – Cor e Poesia

Mandala da Família – Cor e Poesia

A Impermanência | "Todos os ciclos têm início e fim e, nós, no entanto, seguimos tentando nos agarrar ao que já conquistamos..."

A Impermanência

A Impermanência | "Todos os ciclos têm início e fim e, nós, no entanto, seguimos tentando nos agarrar ao que já conquistamos..."