Explora Homem, Jardim e outros!

Explorar tópicos relacionados

Implicações do sofrimento I Desde as primeiras páginas do Gênesis o sofrimento entra no Primeiro Testamento: o homem, que no princípio vivia em comunhão com Deus no jardim de Éden, é expulso por causa de sua desobediência, para o solo sobre o qual veio a maldição de Deus; sofrimento, doença e morte pertencem aos castigos pelo primeiro pecado. Nos tempos primordiais, paradisíacos, o homem não conhecia o sofrimento, na bem-aventurança final também não haverá mais sofrimento.

Implicações do sofrimento I Desde as primeiras páginas do Gênesis o sofrimento entra no Primeiro Testamento: o homem, que no princípio vivia em comunhão com Deus no jardim de Éden, é expulso por causa de sua desobediência, para o solo sobre o qual veio a maldição de Deus; sofrimento, doença e morte pertencem aos castigos pelo primeiro pecado. Nos tempos primordiais, paradisíacos, o homem não conhecia o sofrimento, na bem-aventurança final também não haverá mais sofrimento.

Homem decora bairro cristão antes das celebrações do Natal em Islamabad, no Paquistão

Olho Mágico 2016

Homem decora bairro cristão antes das celebrações do Natal em Islamabad, no Paquistão

O menor homem do mundo, o nepalense Chandra Bahadur Dangi (54,6 cm), encontra o maior, o turco Sultan Kosen (2,51 m). Foto marca celebrações do 10º dia do Guinness, o livro dos recordes (Foto: Peter Macdiarmid/Getty Images) - http://epoca.globo.com/tempo/fotos/2014/11/fotos-do-dia-13-de-novembro-de-2014.html

O menor homem do mundo, o nepalense Chandra Bahadur Dangi (54,6 cm), encontra o maior, o turco Sultan Kosen (2,51 m). Foto marca celebrações do 10º dia do Guinness, o livro dos recordes (Foto: Peter Macdiarmid/Getty Images) - http://epoca.globo.com/tempo/fotos/2014/11/fotos-do-dia-13-de-novembro-de-2014.html

O oposto do homem comum | Amós Boiadeiro    A história da igreja cristã tem em seus registros diversos personagens muito curiosos. Alguns que se destacaram pela sua obstinada fé, como Jó e Maria Madalena, outros pela irreverência da sua mensagem, como Amós, Ezequiel e João Batista, e outros ainda pelo próprio anonimato, como a viúva pobre e o exorcista estrangeiro. Mas se ela registra curiosidades que acrescentam, da mesma forma o faz com atitudes de outros personagens que,

O oposto do homem comum | Amós Boiadeiro A história da igreja cristã tem em seus registros diversos personagens muito curiosos. Alguns que se destacaram pela sua obstinada fé, como Jó e Maria Madalena, outros pela irreverência da sua mensagem, como Amós, Ezequiel e João Batista, e outros ainda pelo próprio anonimato, como a viúva pobre e o exorcista estrangeiro. Mas se ela registra curiosidades que acrescentam, da mesma forma o faz com atitudes de outros personagens que,

- Homem leva uma balde de tinta colorida durante celebrações do 'Festival das Cores", na Índia. Foto: Arun Sankar / AFP

- Homem leva uma balde de tinta colorida durante celebrações do 'Festival das Cores", na Índia. Foto: Arun Sankar / AFP

O que é TENTAÇÃO? | Amós Boiadeiro  Na Bíblia a tentação é apresentada quase que exclusivamente sob o aspecto de suas causas e fatores externos, e não como sedução ou atração para o mal, como nos acostumamos a interpretá-la hoje. É extremamente necessário que se faça esta distinção, porque no sentido de provação o sujeito do verbo é sempre Deus, contudo, nesse último sentido o sujeito é o demônio ou a concupiscência má do homem.

O que é TENTAÇÃO? | Amós Boiadeiro Na Bíblia a tentação é apresentada quase que exclusivamente sob o aspecto de suas causas e fatores externos, e não como sedução ou atração para o mal, como nos acostumamos a interpretá-la hoje. É extremamente necessário que se faça esta distinção, porque no sentido de provação o sujeito do verbo é sempre Deus, contudo, nesse último sentido o sujeito é o demônio ou a concupiscência má do homem.

Homem coloca nesta terça-feira (8) cartões com desejos de fiéis budistas em lanternas de lótus no Templo Jogye, em Seul, na Coreia do Sul, para as celebrações que marcam o aniversário de Buda no país.

Imagens do dia - 8 de maio de 2012

Homem coloca nesta terça-feira (8) cartões com desejos de fiéis budistas em lanternas de lótus no Templo Jogye, em Seul, na Coreia do Sul, para as celebrações que marcam o aniversário de Buda no país.

Homem puxa fitas de dentro de sua boca em demonstração de força durante as celebrações do Ano Novo Chinês, em Pequim. Foto: Kim Kyung-Hoon/Reuters

Homem puxa fitas de dentro de sua boca em demonstração de força durante as celebrações do Ano Novo Chinês, em Pequim. Foto: Kim Kyung-Hoon/Reuters

TÚNICA-e a veste oficial do padre durante as celebrações que ele preside. A túnica é uma veste branca, embora possa ser de outras cores (dentro de um certo bom censo), a qual esconde a individualidade do sacerdote, para que nele se possa perceber o próprio Cristo que preside o Sacrifício. A túnica lembra que o sacerdote que foi, no batismo revestido de Cristo, se reveste agora simbolicamente do homem novo (para presidir o Sacrifício Eucarístico

TÚNICA-e a veste oficial do padre durante as celebrações que ele preside. A túnica é uma veste branca, embora possa ser de outras cores (dentro de um certo bom censo), a qual esconde a individualidade do sacerdote, para que nele se possa perceber o próprio Cristo que preside o Sacrifício. A túnica lembra que o sacerdote que foi, no batismo revestido de Cristo, se reveste agora simbolicamente do homem novo (para presidir o Sacrifício Eucarístico

Na época romana, o vermelho virou a cor preferida, simbolizando o sangue novo da nova família. Surgiram as celebrações suntuosas, tendo a rainha Vitória, na Inglaterra, usado o primeiro vestido de noiva tal como conhecemos hoje em dia. Ela também teria inaugurado o “casamento por amor”, o sentimento básico que deveria unir um homem e uma mulher.

Na época romana, o vermelho virou a cor preferida, simbolizando o sangue novo da nova família. Surgiram as celebrações suntuosas, tendo a rainha Vitória, na Inglaterra, usado o primeiro vestido de noiva tal como conhecemos hoje em dia. Ela também teria inaugurado o “casamento por amor”, o sentimento básico que deveria unir um homem e uma mulher.

Pinterest
Pesquisar