METIS - Educação para a saúde

Collection by Metis

15 
Pins

Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível.

metis
Infeções sexualmente transmissíveis
Saúde das crianças
Capa
Other Pins

Infeções sexualmente transmissíveis

A Gonorreia é uma infeção bacteriana frequente, transmitida a partir de todos os tipos de relações sexuais desprotegidas com parceiros infetados. Pode ocorrer tanto em homens como em mulheres.  As mulheres não apresentam sintomas na maior parte das vezes, ao contrário dos homens onde a característica dor em queimadura no pénis deu à doença o conhecido nome de esquentamento. É muito importante o tratamento do doente e de todos os parceiros(as) sexuais para cortar a cadeia de transmissão.

Gonorreia - METIS

A SIDA (Síndrome de Imunodeficiência Adquirida) é uma doença provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), que diminui as defesas do organismo. O diagnóstico precoce é essencial para retardar a evolução da doença e prevenir o contágio a outras pessoas.

Infeção por VIH / SIDA - METIS

A sífilis é uma infeção de transmissão sexual provocada por uma bactéria. É tratável com antibióticos. Nos últimos anos tem-se assistido a um aumento do número de novos casos, relacionado com a diminuição do cuidado necessário na prevenção da sua transmissão.  As práticas sexuais seguras incluem a diminuição do número de parceiros e a utilização do preservativo (método eficaz para diminuir o risco de transmissão), e tratar os parceiros, se infetados.

Sífilis - METIS

A Clamídia é uma bactéria transmitida por via sexual, tratável com antibióticos. Muitas vezes não provoca qualquer sintoma e passa despercebida. Se não for tratada pode ter consequência graves, como infertilidade tanto no homem como na mulher, e infeções graves nos recém-nascidos.  A principal medida para a prevenção é uso de preservativo durante as relações sexuais.

Infeção por Clamídia - METIS

A vaginose bacteriana é uma condição clínica caraterizada pela substituição da flora vaginal normal, por elevadas concentrações de bactérias anaeróbias. A par com a candidíase vulvovaginal, a vaginose bacteriana é a causa mais comum de corrimento e mau odor vaginal nas mulheres sexualmente ativas em idade fértil.  A presença de outras infeções sexualmente transmissíveis parece estar associada a uma maior prevalência de vaginose bacteriana.  O tratamento tem como objetivo o alívio dos…

Vaginose bacteriana - METIS

A tricomoníase é uma infeção dos aparelhos genital e urinário, provocada por um protozoário flagelado chamado Trichomonas vaginalis. Nos adultos esta infeção é transmissível exclusivamente por via sexual. As manifestações clínicas nas mulheres variam desde a ausência de sintomas, a uma doença inflamatória que inclui uma secreção vaginal purulenta, associada a comichão, ardência urinária e dores nas relações sexuais. Os homens geralmente não têm sintomas, mas podem desenvolver uma inflamação…

Tricomoníase - METIS

A tricomoníase é uma infeção dos aparelhos genital e urinário, provocada por um protozoário flagelado chamado Trichomonas vaginalis. Nos adultos esta infeção é transmissível exclusivamente por via sexual. As manifestações clínicas nas mulheres variam desde a ausência de sintomas, a uma doença inflamatória que inclui uma secreção vaginal purulenta, associada a comichão, ardência urinária e dores nas relações sexuais. Os homens geralmente não têm sintomas, mas podem desenvolver uma inflamação…

Tricomoníase - METIS

A Candidíase vaginal é uma patologia ginecológica fúngica muito frequente, mas também bastante incomodativa pela sintomatologia que provoca. É motivo frequente de consulta médica. A prevenção é possível atuando sobre os fatores de risco.  Um corrimento esbranquiçado e grumoso, acompanhado de comichão, é muito característico. O tratamento baseia-se no antifúngico que pode ser de aplicação local ou por via oral. O tratamento do parceiro não está recomendado se não houver sintomas que o…

Candidíase vaginal - METIS

A infeção por papilomavírus humano (HPV) é a doença de transmissão sexual vírica mais comum, sobretudo nos adolescentes. É a principal causa de cancro do colo do útero.  A vacinação é eficaz mas não substitui outras medidas de prevenção como o atraso do início da atividade sexual, a diminuição do número de parceiros sexuais e a utilização do preservativo.  Não há recomendações inequívocas para a vacinação no sexo masculino.  As mulheres vacinadas devem manter o programa de rastreio do cancro…

Infeção por Papilomavírus Humano - METIS

A Hepatite A é uma infeção viral auto-limitada, contagiosa e transmitida sobretudo por via fecal-oral através da ingestão de alimentos ou águas contaminados ou por contato direto pessoa-pessoa. Uma vez infetada, a pessoa desenvolve imunidade para toda a vida. A apresentação clínica pode ser muito variada, desde a ausência de sintomas, a sintomas semelhantes a um quadro gripal, até formas fulminantes de doença em casos muito raros.  O diagnóstico da hepatite A é feito por meio da deteção de…

Hepatite A - METIS

A pediculose púbica é um problema de saúde causado pelo parasita Phthirus pubis (nomes populares: “piolhos púbicos”, “chatos”). É habitualmente transmitida por contacto sexual ou íntimo com pessoa infestada, e está muitas vezes associado a condições socioeconómicas precárias. O principal sintoma é a comichão (prurido) na região púbica, mas outras zonas do corpo com presença de pelos podem também ser afetadas (membros, tronco, face). É possível observar a olho nu a presença de lêndeas e…

Pediculose púbica - METIS

A sarna (escabiose) é uma das parasitoses mais frequentes no ser humano e pode afetar qualquer pessoa independentemente da sua etnia e classe social. Pode ser transmitida por contacto direto com pessoas afetadas ou através do contacto com objetos ou materiais infestados. Clinicamente é caracterizada por comichão, principalmente à noite, e alterações cutâneas, como pápulas e lesões de coceira em localizações específicas. É fundamental recorrer ao seu médico assistente de forma a confirmar…

Sarna (escabiose) - METIS

Saúde das crianças

A chupeta pode ser um bom aliado, essencialmente pelo efeito calmante que tem para o bebé. Deve ser introduzida depois da adaptação à mama e retirada por volta dos 2 anos de uso.

METIS

A chupeta pode ser um bom aliado, essencialmente pelo efeito calmante que tem para o bebé. Deve ser introduzida depois da adaptação à mama e retirada por volta dos 2 anos de uso.

Capa

Metis - Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível

METIS

Metis - Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível

Other Pins

A chupeta pode ser um bom aliado, essencialmente pelo efeito calmante que tem para o bebé. Deve ser introduzida depois da adaptação à mama e retirada por volta dos 2 anos de uso.

METIS

A chupeta pode ser um bom aliado, essencialmente pelo efeito calmante que tem para o bebé. Deve ser introduzida depois da adaptação à mama e retirada por volta dos 2 anos de uso.

Metis - Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível

Metis - Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível

Metis - Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível

METIS

Metis - Informação de saúde para todos, numa linguagem clara e acessível

A Gonorreia é uma infeção bacteriana frequente, transmitida a partir de todos os tipos de relações sexuais desprotegidas com parceiros infetados. Pode ocorrer tanto em homens como em mulheres.  As mulheres não apresentam sintomas na maior parte das vezes, ao contrário dos homens onde a característica dor em queimadura no pénis deu à doença o conhecido nome de esquentamento. É muito importante o tratamento do doente e de todos os parceiros(as) sexuais para cortar a cadeia de transmissão.

Gonorreia - METIS

A SIDA (Síndrome de Imunodeficiência Adquirida) é uma doença provocada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH), que diminui as defesas do organismo. O diagnóstico precoce é essencial para retardar a evolução da doença e prevenir o contágio a outras pessoas.

Infeção por VIH / SIDA - METIS

A sífilis é uma infeção de transmissão sexual provocada por uma bactéria. É tratável com antibióticos. Nos últimos anos tem-se assistido a um aumento do número de novos casos, relacionado com a diminuição do cuidado necessário na prevenção da sua transmissão.  As práticas sexuais seguras incluem a diminuição do número de parceiros e a utilização do preservativo (método eficaz para diminuir o risco de transmissão), e tratar os parceiros, se infetados.

Sífilis - METIS

A Clamídia é uma bactéria transmitida por via sexual, tratável com antibióticos. Muitas vezes não provoca qualquer sintoma e passa despercebida. Se não for tratada pode ter consequência graves, como infertilidade tanto no homem como na mulher, e infeções graves nos recém-nascidos.  A principal medida para a prevenção é uso de preservativo durante as relações sexuais.

Infeção por Clamídia - METIS

A vaginose bacteriana é uma condição clínica caraterizada pela substituição da flora vaginal normal, por elevadas concentrações de bactérias anaeróbias. A par com a candidíase vulvovaginal, a vaginose bacteriana é a causa mais comum de corrimento e mau odor vaginal nas mulheres sexualmente ativas em idade fértil.  A presença de outras infeções sexualmente transmissíveis parece estar associada a uma maior prevalência de vaginose bacteriana.  O tratamento tem como objetivo o alívio dos…

Vaginose bacteriana - METIS

A tricomoníase é uma infeção dos aparelhos genital e urinário, provocada por um protozoário flagelado chamado Trichomonas vaginalis. Nos adultos esta infeção é transmissível exclusivamente por via sexual. As manifestações clínicas nas mulheres variam desde a ausência de sintomas, a uma doença inflamatória que inclui uma secreção vaginal purulenta, associada a comichão, ardência urinária e dores nas relações sexuais. Os homens geralmente não têm sintomas, mas podem desenvolver uma inflamação…

Tricomoníase - METIS

A tricomoníase é uma infeção dos aparelhos genital e urinário, provocada por um protozoário flagelado chamado Trichomonas vaginalis. Nos adultos esta infeção é transmissível exclusivamente por via sexual. As manifestações clínicas nas mulheres variam desde a ausência de sintomas, a uma doença inflamatória que inclui uma secreção vaginal purulenta, associada a comichão, ardência urinária e dores nas relações sexuais. Os homens geralmente não têm sintomas, mas podem desenvolver uma inflamação…

Tricomoníase - METIS

A Candidíase vaginal é uma patologia ginecológica fúngica muito frequente, mas também bastante incomodativa pela sintomatologia que provoca. É motivo frequente de consulta médica. A prevenção é possível atuando sobre os fatores de risco.  Um corrimento esbranquiçado e grumoso, acompanhado de comichão, é muito característico. O tratamento baseia-se no antifúngico que pode ser de aplicação local ou por via oral. O tratamento do parceiro não está recomendado se não houver sintomas que o…

Candidíase vaginal - METIS

A infeção por papilomavírus humano (HPV) é a doença de transmissão sexual vírica mais comum, sobretudo nos adolescentes. É a principal causa de cancro do colo do útero.  A vacinação é eficaz mas não substitui outras medidas de prevenção como o atraso do início da atividade sexual, a diminuição do número de parceiros sexuais e a utilização do preservativo.  Não há recomendações inequívocas para a vacinação no sexo masculino.  As mulheres vacinadas devem manter o programa de rastreio do cancro…

Infeção por Papilomavírus Humano - METIS

A Hepatite A é uma infeção viral auto-limitada, contagiosa e transmitida sobretudo por via fecal-oral através da ingestão de alimentos ou águas contaminados ou por contato direto pessoa-pessoa. Uma vez infetada, a pessoa desenvolve imunidade para toda a vida. A apresentação clínica pode ser muito variada, desde a ausência de sintomas, a sintomas semelhantes a um quadro gripal, até formas fulminantes de doença em casos muito raros.  O diagnóstico da hepatite A é feito por meio da deteção de…

Hepatite A - METIS

A pediculose púbica é um problema de saúde causado pelo parasita Phthirus pubis (nomes populares: “piolhos púbicos”, “chatos”). É habitualmente transmitida por contacto sexual ou íntimo com pessoa infestada, e está muitas vezes associado a condições socioeconómicas precárias. O principal sintoma é a comichão (prurido) na região púbica, mas outras zonas do corpo com presença de pelos podem também ser afetadas (membros, tronco, face). É possível observar a olho nu a presença de lêndeas e…

Pediculose púbica - METIS

A sarna (escabiose) é uma das parasitoses mais frequentes no ser humano e pode afetar qualquer pessoa independentemente da sua etnia e classe social. Pode ser transmitida por contacto direto com pessoas afetadas ou através do contacto com objetos ou materiais infestados. Clinicamente é caracterizada por comichão, principalmente à noite, e alterações cutâneas, como pápulas e lesões de coceira em localizações específicas. É fundamental recorrer ao seu médico assistente de forma a confirmar…

Sarna (escabiose) - METIS