When autocomplete results are available use up and down arrows to review and enter to select. Touch device users, explore by touch or with swipe gestures.

.⏳. PNG Images & Frames ‍‍‍‍‍‍️️️️️️

Collection by Maria ༄ 🌺 ༄ • Last updated 3 days ago

4k 
Pins
 • 
1.77k 
Followers
Maria ༄ 🌺 ༄
🦚 My Images PNG
🌹 Roses png
⚓ Mar em Png
🎇 Imagens PNG 2 - Net
🔸 Backgrounds to create
🔵 in Round
🎋 Borders
🎇 Imagens PNG - Net
🖼 Frames

🦚 My Images PNG

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha hoje, e a cada dia A força dos céus A luz do sol O brilho da lua O resplendor do fogo A agilidade do vento A profundidade do mar A estabilidade da terra E a firmeza da rocha. Texto extraído do livro “Ecos Eternos” de John O’Donohue

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha hoje, e a cada dia A força dos céus A luz do sol O brilho da lua O resplendor do fogo A agilidade do vento A profundidade do mar A estabilidade da terra E a firmeza da rocha. Texto extraído do livro “Ecos Eternos” de John O’Donohue

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro Algarve, Floral Wreath, Label, Wreaths, Search, Frame, Decor, Nature, Poems

Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro

Coisas Declamadas - Poema de Maria Fernanda Teles de Castro

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro

Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro

Coisas Declamadas - Poema de Maria Fernanda Teles de Castro

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade Frames, Wreaths, Image, Walking, Thoughts, Door Wreaths, Frame, Deco Mesh Wreaths, Floral Arrangements

Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade

Que pode uma criatura senão, entre criaturas, amar? amar e esquecer, amar e malamar, amar, desamar, amar? sempre, e até de olhos vidrados, amar? Que pode, pergunto, o ser amoroso, sozinho, em rotação universal, senão rodar também, e amar? amar o que o mar traz à praia, o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha, é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia? Amar solenemente as palmas do deserto, o que é entrega ou adoração expectante, e amar o inóspito, o cru, um vaso sem flor, um chão de…

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade

Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade

Que pode uma criatura senão, entre criaturas, amar? amar e esquecer, amar e malamar, amar, desamar, amar? sempre, e até de olhos vidrados, amar? Que pode, pergunto, o ser amoroso, sozinho, em rotação universal, senão rodar também, e amar? amar o que o mar traz à praia, o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha, é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia? Amar solenemente as palmas do deserto, o que é entrega ou adoração expectante, e amar o inóspito, o cru, um vaso sem flor, um chão de…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade Algarve, Frame, Label, Search, Jewelry, Everything, Poems, Paintings, Flowers

Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade

Foi para ti que criei as rosas. Foi para ti que lhes dei perfume. Para ti rasguei ribeiros e dei ás romãs a cor do lume. Eugénio de Andrade

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade Frame, Information Technology, Poem, Thoughts, Roses, Picture Frame, Frames

Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade

Foi para ti que criei as rosas. Foi para ti que lhes dei perfume. Para ti rasguei ribeiros e dei ás romãs a cor do lume. Eugénio de Andrade

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Mar - Poema de Vinícios de Moraes Frame, Everything, Poems, Paintings, Picture Frame, Frames

Mar - Poema de Vinícios de Moraes

Na melancolia de teus olhos Eu sinto a noite se inclinar E ouço as cantigas antigas Do mar. Nos frios espaços de teus braços Eu me perco em carícias de água E durmo escutando em vão O silêncio. E anseio em teu misterioso seio Na atonia das ondas redondas Náufrago entregue ao fluxo forte Da morte. Vinícius de Moraes

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Mar - Poema de Vinícios de Moraes Image, Everything, Poems, Paintings

Mar - Poema de Vinícios de Moraes

Na melancolia de teus olhos Eu sinto a noite se inclinar E ouço as cantigas antigas Do mar. Nos frios espaços de teus braços Eu me perco em carícias de água E durmo escutando em vão O silêncio. E anseio em teu misterioso seio Na atonia das ondas redondas Náufrago entregue ao fluxo forte Da morte. Vinícius de Moraes

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia Frames, Image, Jewelry, Starting A Blog, October, Thoughts, Roses, Jewlery, Jewerly

Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia

De amor nada mais resta que um Outubro e quanto mais amada mais desisto: quanto mais tu me despes mais me cubro e quanto mais me escondo mais me avisto. E sei que mais te enleio e te deslumbro porque se mais me ofusco mais existo. Por dentro me ilumino, sol oculto, por fora te ajoelho, corpo místico. Não me acordes. Estou morta na quermesse dos teus beijos. Etérea, a minha espécie nem teus zelos amantes a demovem. Mas quanto mais em nuvem me desfaço mais de terra e de fogo é o abraço com que…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia Frames, Wreaths, Halloween, Image, October, Thoughts, Amor, Poems, Door Wreaths

Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia

De amor nada mais resta que um Outubro e quanto mais amada mais desisto: quanto mais tu me despes mais me cubro e quanto mais me escondo mais me avisto. E sei que mais te enleio e te deslumbro porque se mais me ofusco mais existo. Por dentro me ilumino, sol oculto, por fora te ajoelho, corpo místico. Não me acordes. Estou morta na quermesse dos teus beijos. Etérea, a minha espécie nem teus zelos amantes a demovem. Mas quanto mais em nuvem me desfaço mais de terra e de fogo é o abraço com que…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Ser Forte Floral Wreath, Frames, Wreaths, Plants, Image, Decor, Thoughts, Floral Crown, Decoration

Ser Forte

Ser forte é amar alguém em silêncio Ser forte é deixar-amar por alguém que não se ama Ser forte é fingir alegria quando não se sente Ser forte é sorrir quando se deseja chorar Ser forte é consolar quando se precisa de consolo Ser forte é calar quando o ideal seria gritar a todos sua angústia Ser forte é irradiar felicidade quando se é infeliz Ser forte é esperar quando não se acredita no retorno Ser forte é manter-se calmo no desespero Ser forte é elogiar quando se tem vontade de maldizer…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Ser Forte Frames, Painting, Image, Art, Thoughts, Art Background, Frame, Painting Art, Kunst

Ser Forte

Ser forte é amar alguém em silêncio Ser forte é deixar-amar por alguém que não se ama Ser forte é fingir alegria quando não se sente Ser forte é sorrir quando se deseja chorar Ser forte é consolar quando se precisa de consolo Ser forte é calar quando o ideal seria gritar a todos sua angústia Ser forte é irradiar felicidade quando se é infeliz Ser forte é esperar quando não se acredita no retorno Ser forte é manter-se calmo no desespero Ser forte é elogiar quando se tem vontade de maldizer…

Um Blogue que Divaga por Poesias, Poemas e cânticos litúrgicos, Pensamentos e Provérbios. Frames, Movies, Movie Posters, Image, Thoughts, Films, Frame, Film Poster, Cinema

Quadras da Minha Solidão

Fica longe o sol que vi, aquecer meu corpo outrora... Como é breve o sol daqui! E como é longa esta hora... Donde estou vejo partir quem parte certo e feliz. Só eu fico. E sonho ir, rumo ao sol do meu país... Por isso as asas dormentes, suspiram por outro céu. Mas ai delas! tão doentes, não podem voar mais eu... que comigo, preso a mim, tudo quanto sei de cor... Chamem-lhe nomes sem fim, por todos responde a dor. Mas dor de quê? dor de quem, se nada tenho a sofrer?... Saudade?...Amor?...Sei…

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Saudades - Poema de Odyla Paiva Hanukkah, Frames, Wreaths, Plants, Image, Thoughts, Everything, Poems, Paintings

Saudades - Poema de Odyla Paiva

Não há um dia que não lembre de você. Saudade do seu abraço, Saudade da sua voz, Saudade de como você era para mim. Não há um dia que não lembre de você. Saudade de nossas conversas, Saudade de seus recados ao telefone, Saudade de saber você ao meu alcance. Não há um dia que não lembre de você. Saudade de fazer perguntas, Saudade das suas respostas, Saudade da sua atenção. Não há um dia que não lembre de você. Saudade de nossas saídas, Saudade do “tudo bem”, Saudade, saudade, saudade de…

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Saudades - Poema de Odyla Paiva Vida Animal, Mona Lisa, Frames, Artwork, Image, Cruises, Everything, Fotografia, Poems

Saudades - Poema de Odyla Paiva

Não há um dia que não lembre de você. Saudade do seu abraço, Saudade da sua voz, Saudade de como você era para mim. Não há um dia que não lembre de você. Saudade de nossas conversas, Saudade de seus recados ao telefone, Saudade de saber você ao meu alcance. Não há um dia que não lembre de você. Saudade de fazer perguntas, Saudade das suas respostas, Saudade da sua atenção. Não há um dia que não lembre de você. Saudade de nossas saídas, Saudade do “tudo bem”, Saudade, saudade, saudade de…

Divagar com a FAMÍLIA e AMIGOS: Um Feliz Dia da Mãe 2021 Bungee Jumping, Macau, Halloween, Frames, Aurora Sleeping Beauty, Disney Princess, Disney Characters, Image, Art

Um Feliz Dia da Mãe 2021

Ser mãe é cuidar, acarinhar, ouvir, compreender, perdoar, ensinar e acima de tudo doar um amor incondicional. Todos os dias são dias das mães, mas hoje comemora-se oficialmente, para todas as MÃES do mundo, especialmente para a minha adorada princesinha Diana, uma super filha e uma super Mãe, eu desejo um DIA muito FELIZ. MAE… São três letras apenas, As desse nome bendito: Três letrinhas, nada mais… E nelas cabe o infinito E palavra tão pequena Confessam mesmo os ateus És do tamanho do céu E…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Quando te dói a Alma - Fernanda de Castro Hanukkah, Frames, Wreaths, Plants, Image, Thoughts, Everything, Poems, Paintings

Poema - Quando te dói a Alma - Fernanda de Castro

Um Blogue que Divaga por Poesias, Poemas e cânticos litúrgicos, Pensamentos e Provérbios.

🌹 Roses png

See more

⚓ Mar em Png

🎇 Imagens PNG 2 - Net

🔸 Backgrounds to create

See more

🔵 in Round

See more

🎋 Borders

See more

🎇 Imagens PNG - Net

See more

🖼 Frames

See more
DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha hoje, e a cada dia A força dos céus A luz do sol O brilho da lua O resplendor do fogo A agilidade do vento A profundidade do mar A estabilidade da terra E a firmeza da rocha. Texto extraído do livro “Ecos Eternos” de John O’Donohue

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha Hoje - Oração Celta

Que eu tenha hoje, e a cada dia A força dos céus A luz do sol O brilho da lua O resplendor do fogo A agilidade do vento A profundidade do mar A estabilidade da terra E a firmeza da rocha. Texto extraído do livro “Ecos Eternos” de John O’Donohue

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro Algarve, Floral Wreath, Label, Wreaths, Search, Frame, Decor, Nature, Poems

Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro

Coisas Declamadas - Poema de Maria Fernanda Teles de Castro

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro

Poema - Coisas Declamadas - Fernanda de Castro

Coisas Declamadas - Poema de Maria Fernanda Teles de Castro

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade Frames, Wreaths, Image, Walking, Thoughts, Door Wreaths, Frame, Deco Mesh Wreaths, Floral Arrangements

Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade

Que pode uma criatura senão, entre criaturas, amar? amar e esquecer, amar e malamar, amar, desamar, amar? sempre, e até de olhos vidrados, amar? Que pode, pergunto, o ser amoroso, sozinho, em rotação universal, senão rodar também, e amar? amar o que o mar traz à praia, o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha, é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia? Amar solenemente as palmas do deserto, o que é entrega ou adoração expectante, e amar o inóspito, o cru, um vaso sem flor, um chão de…

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade

Amar - Poema de Carlos Drummond de Andrade

Que pode uma criatura senão, entre criaturas, amar? amar e esquecer, amar e malamar, amar, desamar, amar? sempre, e até de olhos vidrados, amar? Que pode, pergunto, o ser amoroso, sozinho, em rotação universal, senão rodar também, e amar? amar o que o mar traz à praia, o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha, é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia? Amar solenemente as palmas do deserto, o que é entrega ou adoração expectante, e amar o inóspito, o cru, um vaso sem flor, um chão de…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade Algarve, Frame, Label, Search, Jewelry, Everything, Poems, Paintings, Flowers

Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade

Foi para ti que criei as rosas. Foi para ti que lhes dei perfume. Para ti rasguei ribeiros e dei ás romãs a cor do lume. Eugénio de Andrade

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade Frame, Information Technology, Poem, Thoughts, Roses, Picture Frame, Frames

Poema - Foi para Ti que Criei as Rosas - Eugénio de Andrade

Foi para ti que criei as rosas. Foi para ti que lhes dei perfume. Para ti rasguei ribeiros e dei ás romãs a cor do lume. Eugénio de Andrade

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Mar - Poema de Vinícios de Moraes Frame, Everything, Poems, Paintings, Picture Frame, Frames

Mar - Poema de Vinícios de Moraes

Na melancolia de teus olhos Eu sinto a noite se inclinar E ouço as cantigas antigas Do mar. Nos frios espaços de teus braços Eu me perco em carícias de água E durmo escutando em vão O silêncio. E anseio em teu misterioso seio Na atonia das ondas redondas Náufrago entregue ao fluxo forte Da morte. Vinícius de Moraes

DIVAGAR SOBRE TUDO UM POUCO - Poemas, Flores, Pinturas, Férias: Mar - Poema de Vinícios de Moraes Image, Everything, Poems, Paintings

Mar - Poema de Vinícios de Moraes

Na melancolia de teus olhos Eu sinto a noite se inclinar E ouço as cantigas antigas Do mar. Nos frios espaços de teus braços Eu me perco em carícias de água E durmo escutando em vão O silêncio. E anseio em teu misterioso seio Na atonia das ondas redondas Náufrago entregue ao fluxo forte Da morte. Vinícius de Moraes

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia Frames, Image, Jewelry, Starting A Blog, October, Thoughts, Roses, Jewlery, Jewerly

Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia

De amor nada mais resta que um Outubro e quanto mais amada mais desisto: quanto mais tu me despes mais me cubro e quanto mais me escondo mais me avisto. E sei que mais te enleio e te deslumbro porque se mais me ofusco mais existo. Por dentro me ilumino, sol oculto, por fora te ajoelho, corpo místico. Não me acordes. Estou morta na quermesse dos teus beijos. Etérea, a minha espécie nem teus zelos amantes a demovem. Mas quanto mais em nuvem me desfaço mais de terra e de fogo é o abraço com que…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia Frames, Wreaths, Halloween, Image, October, Thoughts, Amor, Poems, Door Wreaths

Do amor nada mais resta que um Outubro - Natália Correia

De amor nada mais resta que um Outubro e quanto mais amada mais desisto: quanto mais tu me despes mais me cubro e quanto mais me escondo mais me avisto. E sei que mais te enleio e te deslumbro porque se mais me ofusco mais existo. Por dentro me ilumino, sol oculto, por fora te ajoelho, corpo místico. Não me acordes. Estou morta na quermesse dos teus beijos. Etérea, a minha espécie nem teus zelos amantes a demovem. Mas quanto mais em nuvem me desfaço mais de terra e de fogo é o abraço com que…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Ser Forte Floral Wreath, Frames, Wreaths, Plants, Image, Decor, Thoughts, Floral Crown, Decoration

Ser Forte

Ser forte é amar alguém em silêncio Ser forte é deixar-amar por alguém que não se ama Ser forte é fingir alegria quando não se sente Ser forte é sorrir quando se deseja chorar Ser forte é consolar quando se precisa de consolo Ser forte é calar quando o ideal seria gritar a todos sua angústia Ser forte é irradiar felicidade quando se é infeliz Ser forte é esperar quando não se acredita no retorno Ser forte é manter-se calmo no desespero Ser forte é elogiar quando se tem vontade de maldizer…

Divagar em POESIAS - PROVERBIOS - PENSAMENTOS : Ser Forte Frames, Painting, Image, Art, Thoughts, Art Background, Frame, Painting Art, Kunst

Ser Forte

Ser forte é amar alguém em silêncio Ser forte é deixar-amar por alguém que não se ama Ser forte é fingir alegria quando não se sente Ser forte é sorrir quando se deseja chorar Ser forte é consolar quando se precisa de consolo Ser forte é calar quando o ideal seria gritar a todos sua angústia Ser forte é irradiar felicidade quando se é infeliz Ser forte é esperar quando não se acredita no retorno Ser forte é manter-se calmo no desespero Ser forte é elogiar quando se tem vontade de maldizer…