Carro de rali

Explorar tópicos relacionados

Guard-rail salva carro de rali à beira de um abismo ! - YouTube

Guard-rail salva carro de rali à beira de um abismo ! - YouTube

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B - FlatOut!

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B - FlatOut!

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B - FlatOut!

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B - FlatOut!

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B - FlatOut!

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B

Lada VFTS: quando o Laika se tornou um carro de rali do Grupo B - FlatOut!

Após aparecer como carro de rali, novo Citroën C3 ganha projeção final

Após aparecer como carro de rali, novo Citroën C3 ganha projeção final

Lendas do WRC: Renault 5, o carro de rali certo no momento errado

Lendas do WRC: Renault 5, o carro de rali certo no momento errado

Nos anos 1970 a Renault tentou dar uma resposta ao Lancia Stratos no WRC. Seu nome era Renault 5 Turbo, e esta é sua história.

Lendas do WRC: Renault 5, o carro de rali certo no momento errado

Lendas do WRC: Renault 5, o carro de rali certo no momento errado

Nos anos 1970 a Renault tentou dar uma resposta ao Lancia Stratos no WRC. Seu nome era Renault 5 Turbo, e esta é sua história.

Puzzle 3D carro de rali. ClassicToys

Puzzle 3D carro de rali. ClassicToys

O carro de competição, obviamente, era mais potente, e entregava algo entre 275 e 320 cv — o bastante, por exemplo, para conseguir uma vitória tripla no Rali de Monte Carlo em 1976, seu resultado mais impressionante.

Lendas do WRC: Lancia Stratos, o primeiro tricampeão do Mundial de Rali

O carro de competição, obviamente, era mais potente, e entregava algo entre 275 e 320 cv — o bastante, por exemplo, para conseguir uma vitória tripla no Rali de Monte Carlo em 1976, seu resultado mais impressionante.

Em 1984, o primeiro ano do Grupo B, a Renault continou apostando no 5 Turbo, mas ele não teve chance alguma contra rivais muito mais potentes — com motores de até 500 cv — e tracionando as quatro rodas. Por isso, em 1985 veio o Renault 5 Maxi Turbo, com motor 1.6 e 350 cv. Entre os protótipos insanos do Grupo B, o Renault 5 Maxi Turbo conseguiu uma única vitória, no mesmo Tour de Corse que vencera em 1983.

Lendas do WRC: Renault 5, o carro de rali certo no momento errado

Em 1984, o primeiro ano do Grupo B, a Renault continou apostando no 5 Turbo, mas ele não teve chance alguma contra rivais muito mais potentes — com motores de até 500 cv — e tracionando as quatro rodas. Por isso, em 1985 veio o Renault 5 Maxi Turbo, com motor 1.6 e 350 cv. Entre os protótipos insanos do Grupo B, o Renault 5 Maxi Turbo conseguiu uma única vitória, no mesmo Tour de Corse que vencera em 1983.

Pinterest
Pesquisar