Castelos de Portugal

12 Pins4 Followers
O concelho do Sabugal, um dos mais extensos concelhos portugueses em termos de área, tem cinco castelos. Dois deles sempre foram portugueses, os outros três foram conquistados aos leoninos por D. Dinis

O concelho do Sabugal, um dos mais extensos concelhos portugueses em termos de área, tem cinco castelos. Dois deles sempre foram portugueses, os outros três foram conquistados aos leoninos por D. Dinis

É um dos castelos mais pequenos do país, mas também um dos que guardam maiores dúvidas quanto à sua origem

É um dos castelos mais pequenos do país, mas também um dos que guardam maiores dúvidas quanto à sua origem

Penela, Pen, Pé nela, Penha, Penedo. Lenda e história misturam-se no nome desta povoação, mas todas têm a sua génese na sua fortaleza, cuja origem se perde na memória dos tempos

Penela, Pen, Pé nela, Penha, Penedo. Lenda e história misturam-se no nome desta povoação, mas todas têm a sua génese na sua fortaleza, cuja origem se perde na memória dos tempos

Três de maio. Rapazes e raparigas de Monsanto sobem ao castelo para comemorar os acontecimentos narrados na lenda da bezerra. O castelo estava cercado há sete anos pelos mouros, já não havia comida no reduto. A população tinha apenas uma bezerra e um pouco de trigo

Três de maio. Rapazes e raparigas de Monsanto sobem ao castelo para comemorar os acontecimentos narrados na lenda da bezerra. O castelo estava cercado há sete anos pelos mouros, já não havia comida no reduto. A população tinha apenas uma bezerra e um pouco de trigo

Oficina de carpintaria, celeiro, cavalariça, loja de ferrador, lagar de azeite, prisão. O castelo de Alter do Chão, antigo ponto estratégico na reconquista cristã, serviu para quase tudo, até mesmo para uma lixeira

Oficina de carpintaria, celeiro, cavalariça, loja de ferrador, lagar de azeite, prisão. O castelo de Alter do Chão, antigo ponto estratégico na reconquista cristã, serviu para quase tudo, até mesmo para uma lixeira

Castelo de Marvão: o baluarte alentejano

Castelo de Marvão: o baluarte alentejano

Se todas as terras têm uma lenda, a de Mourão é curiosa: os primeiros habitantes ter-se-iam instalado junto ao rio, de onde foram obrigados a fugir por causa dos sucessivos “ataques” de formigas, que chegavam a matar os recém-nascidos

Se todas as terras têm uma lenda, a de Mourão é curiosa: os primeiros habitantes ter-se-iam instalado junto ao rio, de onde foram obrigados a fugir por causa dos sucessivos “ataques” de formigas, que chegavam a matar os recém-nascidos

O Forte de São Francisco Xavier, mais conhecido por Castelo do Queijo por assentar em rochas grandes e redondas, similares a um queijo e visíveis na maré vaza, foi mandado construir em 1643, por D. João IV, rei de Portugal à data

O Forte de São Francisco Xavier, mais conhecido por Castelo do Queijo por assentar em rochas grandes e redondas, similares a um queijo e visíveis na maré vaza, foi mandado construir em 1643, por D. João IV, rei de Portugal à data

Pertencente ao concelho de Reguengos de Monsaraz, o castelo de Monsaraz remonta ao século XIII, ao reinado de D. Afonso III

Pertencente ao concelho de Reguengos de Monsaraz, o castelo de Monsaraz remonta ao século XIII, ao reinado de D. Afonso III

Castelo de Penedono: A riqueza e a desgraça vivem aqui

Castelo de Penedono: A riqueza e a desgraça vivem aqui

Da reconquista ao século XVII, um defensor em Óbidos

Da reconquista ao século XVII, um defensor em Óbidos

Castelos há muitos. Este género de fortificações conta com mais de duas centenas de exemplares em todo o país. Há os grandes, pequenos, de duas torres, três torres, sem torres, mas nenhum tem uma torre pentagonal. Nenhum, exceto este aqui apresentado

Castelos há muitos. Este género de fortificações conta com mais de duas centenas de exemplares em todo o país. Há os grandes, pequenos, de duas torres, três torres, sem torres, mas nenhum tem uma torre pentagonal. Nenhum, exceto este aqui apresentado

Pinterest
Search